Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



09.06.14

Old New Apple

Old New Apple

 

Passou praticamente uma semana, após a keynote de abertura da WWDC, realizada habitualmente no Moscone Center em São Francisco e que mostrou uma Apple em grande forma e pronta para levar a tecnologia a um novo nível.

 

Há muito tempo que não via uma keynote tão interessante por parte da Apple. Eventualmente, terá sido a melhor keynote desde o desaparecimento de Steve Jobs, uma apresentação centrada em software, especialmente em desktop com o OS X Yosemte, móvel através do iOS 8 e as novas ferramentas de desenvolvimento, onde se destaca a nova linguagem de programção - Swift.

 

Muitos dirão que a Apple, durante 2 horas, não apresentou nada que justificasse tanto hype. É verdade. Efectivamente, não houve nada que se possa considerar disruptivo ou bombástico, como foi o iPhone em Janeiro 2007. O segredo na apresentação da semana passada, parece-me, está na forma como a Apple conseguiu montar e completar todo um puzzle, puzzle esse que muitos dos fanboys, já apelidam de "Apple's Love Letter", que esta espécie de "nova Apple" finalmente conseguiu mostrar pela primeira vez, após a morte de Steve Jobs, o caminho que pretende seguir e esse caminho será feito para e com os developers que tanto têm contribuído para o sucesso de plataformas como o iOS e o OS X, através das respectivas App Stores.

 

"Apple's Love Letter" parece-me algo exagerado. Mas consigo compreeder o sentimento que a apresentação da passada segunda-feira terá despertado, especialmente naqueles que acompanham a marca da maçã há mais anos.

 

Uma coisa é certa, as últimas keynotes, têm confirmado que a Apple encontrou um novo talento para as apresentações da Apple. Chama-se Craig Federighi é Senior VP Software Engineering e ele tem sido a figura de que se fala. Não só pela simpática figura, mas pelo carisma que apresenta em palco, bem diferente das primeiras aparições, mais discretas. Muitos comentários já o apontam como uma figura importante e decisiva no futuro da Apple ao nível de Steve Jobs. As comparações são sempre perigosas e parecem-me exageradas, mas parece-me mais ou menos evidente que Craig Federighi está a tornar-se numa figura central, não só nas keynotes, mas também na própria empresa.

 

Como referi, a Apple não apresentou nada de disruptivo. Mas juntou um puzzle que transportará a empresa de Cupertino e os seus developers para a próxima década, ou pelo menos, os próximos 5 anos, criando um campo de desenvolvimento que junta o iOS e o OS X. O vídeo que se segue, tentar resumir em 10 minutos, a Keynote, que poderá ser vista por completo, no site da Apple ou através do YouTube.

 

 

Alguns artigos na web fazem referência a uma nova Apple. Mais jovem, mais simpática e que finalmente encontrou o caminho certo. Concordam? Se calhar não vou tão longe. Direi apenas que a Apple poderá ter encontrado o caminho certo para os próximos anos...curiosa e assertiva foi a opinião do sempre muito crítico, Joshua Topolsky, editor do The Verge.

 

 

Uma coisa é certa...estou muito curioso com o que a Apple nos terá para apresentar no final do Verão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

08.06.14

Net Neutrality

Net Neutrality

 

Este é um tema recorrente no blog e que me interessou desde o primeiro segundo, mas parece ser um assunto que tem passado despercebido pelos media nacionais.

 

Desde que a discussão começou há uns anos, especialmente nos Estados Unidos, que tenho tentado, na medida do possível, trazer para a esfera nacional o tema da manutenção da neutralidade na Internet, ou seja, forçar que todos os fornecedores de Internet, permitam o acesso igual para todos os utilizadores e todos os tipos de conteúdos, sem prejuízo para ninguém.

 

Recentemente, o feud entre o Netflix e a Comcast, resultou num acordo entre as duas empresas, o que implicará o pagamento de um fee por parte do Netflix à Comcast, com o compromisso que a Comcast não corte a velocidade de acesso aos conteúdos disponibilizados pelo Netflix (que tarda chegar a Portugal).

 

Mas serve este post, também para destacar o fantástico comentário realizado pelo comediante John Oliver, no seu programa "Last Week Tonight" em que explica de forma brilhante, em que consiste o conceito "Net Neutrality" e quais são as verdadeiras implicações, caso a mesma venha a terminar, como tudo indica.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

01.06.14

Tanto para escrever...

Tanto para escrever...

 

Desde que tenho o blog, foi o terceiro mês, em que não consegui publicar um único post. Se calhar está na hora de regressar...

 

Como tem sido longos os dias, logo após a edição deste ano do Codebits e tanto para escrever. Safa-se apenas o que vou partilhando pelas redes sociais.

 

A inauguração do Village Underground Lisboa, a campanha daquela marca que  os Toastmasters, o Chromecast (se tudo correr bem, receberei entre amanhã e terça-feira) e a keynote de amanhã da Apple e as suas recentes aquisições e porque não...até fazer uma avaliação da crise política que atingiu Portugal e que merece alguma reflexão (a abstenção, o jogo político vs vida dos portugueses).

 

Foram assuntos que foram ficando para trás e que teriam merecido vários posts. Veremos o que nos reserva o futuro...este blog merece mais! :)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

12.04.14

#Codebits 2014 - 3º dia

#Codebits 2014 - 3º dia

 

Chegámos ao final da edição 2014, aquela que terá sido, sem dúvida, a melhor e mais madura edição de sempre do Codebits.

 

O 3º e último dia do Codebits fica sempre marcado pela finalização e apresentação dos projectos que são submetidos ao concurso de programação non-stop 48h.

 

E confirmou-se a tendência que já tinha verificado na passagem que ia fazendo pelas mesas do recinto principal: MEO Wallet, BITalino, Drones e robótica.

 

Parece-me, fazendo uma comparação com anos anteriores, há uma maior consistência nos projectos apresentados. É verdade que seguem tendências, mas enquanto projectos, pareceram-me mais consistentes e potencialmente, com maior margem de progressão para um verdadeiro produto de consumo.

 

 

Vamos então, conhecer os projectos vencedores da edição 2014 do Codebits:

 

Prémios do Júri 

1º lugar: NeLo

Projecto 500 | Weareable Open Hardware for Polio Patients | URL

 

2º lugar: Polícias Beduínos

Projecto 478 | Quais foram os temas mais falados nas notícias da última semana? | URL

 

3º lugar: SubZam

Projecto 517 | It's like Shazam for movies! Do you want to know which movie has that specific line you're thinking?

 

4º lugar: Tabs

Projecto 474 | Remember the old days when you had to remove your wallet from your pocket, pull out your card and input a secret code to pay for goods and services?

 

5º lugar: Babel Talk

Projecto 479 | Imaginem um "walkie-talkie" do futuro onde as pessoas de nacionalidades diferentes comunicam entre si utilizando o seu idioma nativo.

 

 

Prémios do Público 

1º lugar: The Spelling Loom

Projecto 461 | This is about patterns in language, textiles and music. We will develop a language diversity game.

 

2º lugar: ToBITas

Projecto 468 | Robots are cool, Biosignals as well… put both together, and things can become freakin’ awesome!

 

3º lugar: Telephone Operator as a Service

Projecto 503 | Allows anyone to create clients that interact with a multitude of services over the telephone line. | URL

 

 

Pessoalmente, fiquei satisfeito com a lista de vencedores. Em anos anteriores não tive a mesma sensação, mas este ano, não me parece que houvesse grandes dúvidas sobre a lista de vencedores.

 

#Codebits 2014

 

Em cima do momento e poucas horas depois do seu final, posso dizer que foi o melhor Codebits. Pareceu-me mais calmo, concentrado na loucura dos projectos. Pareceu-me, por isso, um Codebits mais maduro e consistente. Pegando naquilo que foi dito na keynote de fecho, para o ano haverá mais Codebits e pelo que percebi...a data de Abril será para manter. Uma aposta ganha por parte da organização.

 

Para terminar, palavras de agradecimento à equipa do Sapo, que sempre me tem recebido de forma espectacular. Os restantes que me perdoem, mas assistir à apresentação dos projectos ao lado da Ana Godinho é uma experiência! :) O meu muito e muito obrigado.

 

#Codebits 2014

Autoria e outros dados (tags, etc)

12.04.14

#Codebits 2014 - Geek is the new Sexy

#Codebits 2014 - Geek is the new Sexy

 

Respondendo ao Expresso, eu diria que não há dúvidas sobre o facto do "Geek is the new Sexy". E no Codebits 2014, as "geekas" provaram-no!

 

Existe a ideia pré-concebida que um evento como o Codebits é só para o género masculino. Sim, é verdade. As esmagadora maioria dos participantes é do sexo masculino. Mas as poucas participantes do sexo feminino, eram a prova de que havia todas as condições para mudar esse cenário.

 

A edição 2014 do Codebits, prova isso mesmo. O número de participantes femininas aumentou consideravelmente, quer em quantidade, mas também em qualidade. E como eu ouvi hoje: "Meninas, venham...eles não mordem!"

 

#Codebits 2014 - Geek is the new Sexy

 

Esse é o desafio da iniciativa "Geek is the new Sexy", que mostra o outro lado de alguns dos elementos da equipa do Sapo, que ficou devidamente registado em vídeo. Sim...meninas, este vídeo é para vocês.

 

 

Outra que tive oportunidade de ouvir, foi o enquadramento do evento e dos seus participantes. Alegadamente, o evento deixou de ser tão Geek e passou a ser mais Hipster e cool. Surpreendido, prefiro achar que a ideia que se tem do Geek mudou. E não me parece que haja dúvidas que o "Geek is the new Sexy".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

12.04.14

#Codebits 2014 - Os ecos das RiftCycles

#Codebits 2014 - Os ecos das RiftCycles

 

Já aqui falei várias vezes, nos últimos dias sobre as RiftCycles, que fizeram sensação no Codebits 2014. Esse sucesso já teve impacto na blogosfera.

 

Num post publicado na passada quinta-feira (bolas, parece que passou uma semana), o Gizmodo fez uma referência do projecto criado pelo The Arcade Man.

 

 

Muitos questionam a utilidade destes gadgets. Mas depois do Codebits deste ano, não tenho dúvidas que dispositivos como o Oculus Rift farão um esmagador sucesso no universo Gaming. Depois de ler um tweet que fazia referência à utilização do Oculus Rift no futuro GT6, rapidamente me lembrei da adaptação para o Autódromo Virtual de Lisboa. Sendo eu, um fã do desporto motorizado, seria absolutamente fantástico, poder substituir os habituais monitores (1 ou 3 monitores) por um dispositivo como os Oculus Rift.

 

Veremos o que o futuro nos reserva...

Autoria e outros dados (tags, etc)

12.04.14

#Codebits 2014 - Experiência Nuclear

#Codebits 2014 - Experiência Nuclear

 

Como não podia deixar de ser, no Codebits cumpriu-se a tradição. Realizou-se a Experiência Nuclear. Desta vez, os Tacos deram lugar ao Chilli!

 

Como referi anteriormente, enquanto decorria a Experiência Nuclear, estava a assistir no palco principal ao Portuguese Makers Hangout. Por isso, não tive oportunidade de registar qual imagem do concurso que decorreu, ganho novamente pelo Hugo Sousa, que repetiu a vitória de 2012.

 

Para a posteridade, aqui fica o registo visual da Experiência Nuclear do Codebits 2014.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

12.04.14

#Codebits 2014 - 2º dia

#Codebits 2014 - 2º dia

 

Estamos mais próximos do final do Codebits 2014. Vamos entrar na madrugada que antecede a entrega dos projectos, numa edição que se tem mostrado muito calma. Parece que o Codebits está a entrar numa fase de maturidade...ou serei só eu a achar isso?

 

Pessoalmente, o 2º dia foi aproveitado para explorar mais a nova aplicação MEO Wallet e para explorar os diversos espaços que são oferecidos pelo Codebits, especialmente no que diz respeito a consolas, jogos e flippers (uma vez que, já tive oportunidade de experimentar as RiftCycles).

 

#Codebits 2014 - 2º dia

 

Passando pelo recinto principal, é possível perceber com alguma distância que os projectos deste ano, estão muito direccionados para robótica, drones, aplicações, mas fico com ideia que os projectos mais interessantes, farão a utilização do Oculus Rift e do BITalino, que permite a utilização de sensores corporais DiY.

 

Nas actividades mais radiciais do Codebits, destaque para o Slider, que atravessa todo o recinto principal. Para quem quiser experimentar algo mais radical, pode fazê-lo no Codebits. Não, eu não vou experimentar.

 

Como é habitual, no 2º dia, decorreu a Experiência Nuclear, já um clássico no Codebits. Desta vez, não foram Tacos, mas somente Chilli. Infelizmente, não tive oportunidade de assistir, mas acredito que tenha sido mais uma quente e picante experiência para os participantes do concurso. Se eu já fico como fico, com a junk food, nem quero imaginar como seria com os ingredientes "nucleares".

 

Mas se não assisti ao concurso Nuclear, foi porque estive a assistir no palco principal ao Portuguese Makers Hangout, ao vivo. Uma interessante conversa comandada pelo Celso Martinho, sobre a cena Maker em Portugal. Falou-se de processos de produção, protótipos vs produto final, do projecto Dóing do Pavilhão do Conhecimento e qual a perspectiva dos makers portugueses num mercado tão globalizado e dominado pelos norte-americanos.

 

#Codebits 2014 - 2º dia

 

Foi também o mote para se anunciar a primeira Lisbon Mini Maker Faire, que será realizada no Pavilhão do Conhecimento, nos dias 19, 20 e 21 de Setembro.

 

Como estamos no 2º dia, este só podia terminar com a realização de um muito compacto e esgotado Quiz Show Codebits, que contou ainda com a apresentação do "Geek is the new Sexy" em que as "rock stars" do Sapo mostraram o que valem...ou então não.

 

#Codebits 2014 - 2º dia

 

Venha de lá então, o terceiro e último dia...confesso que estou curioso com alguns projectos que serão apresentados amanhã (hoje :P ).

Autoria e outros dados (tags, etc)

11.04.14

#Codebits 2014 - Abertura

#Codebits 2014 - Abertura

 

Já estamos no 2º dia da edição 2014 do Codebits, mas não podia deixar de destacar a forma como ficou marcado o arranque do evento.

 

A cada edição que passa, torna-se cada vez mais relevante, o papel de um dos parceiros da organização do Codebits. Falo da Hipnose, que tem cada mais destaque, na forma como ajuda a produzir um evento destes. Isso ficou bem patente na forma como ficou marcado o arranque do Codebits, com recurso a efeitos visuais, recorrendo ao ecrã do palco principal, em glorioso HD e 3D Mapping.

 

 

Mas os efeitos do 3D Mapping estão tão brutais, que eu estaria disposto a criar um wallpaper só com um dos elementos laterais do palco. Só ficavam mesmo a faltar os peixinhos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

11.04.14

#Codebits 2014 - Pong Colectivo

#Codebits 2014 - Pong Colectivo

 

Pela 2ª vez, tive a oportunidade de ver como o Pong, pode ser jogado colectivamente com uma plateia e como isso pode ser altamente divertido

 

Há uns anos, tive oportunidade de experimentar jogar o mesmo jogo, na Fundação Champalimaud e como foi divertido. O conceito é simples. A plateia é dividida em duas equipas. Cada equipa (ou metade da plateia) passa a controlar uma das peças do Pong. Através de cartões com duas faces coloridas, os padrões criados pela plateia (mais vermelho ou mais verde, neste caso) fazem com que a peça desça ou suba. Garanto-vos...apesar de ser algo relativamente simples, é tremendamente divertido de jogar.

 

 

No caso do Codebits, este ano, o sistema utilizado no Pong, servirá para realizar a votação dos projectos, que serão apresentados no próximo sábado.

Autoria e outros dados (tags, etc)





Arquivo

  1. 2014
  2. JAN
  3. FEV
  4. MAR
  5. ABR
  6. MAI
  7. JUN
  8. JUL
  9. AGO
  10. SET
  11. OUT
  12. NOV
  13. DEZ
  14. 2013
  15. JAN
  16. FEV
  17. MAR
  18. ABR
  19. MAI
  20. JUN
  21. JUL
  22. AGO
  23. SET
  24. OUT
  25. NOV
  26. DEZ
  27. 2012
  28. JAN
  29. FEV
  30. MAR
  31. ABR
  32. MAI
  33. JUN
  34. JUL
  35. AGO
  36. SET
  37. OUT
  38. NOV
  39. DEZ
  40. 2011
  41. JAN
  42. FEV
  43. MAR
  44. ABR
  45. MAI
  46. JUN
  47. JUL
  48. AGO
  49. SET
  50. OUT
  51. NOV
  52. DEZ
  53. 2010
  54. JAN
  55. FEV
  56. MAR
  57. ABR
  58. MAI
  59. JUN
  60. JUL
  61. AGO
  62. SET
  63. OUT
  64. NOV
  65. DEZ
  66. 2009
  67. JAN
  68. FEV
  69. MAR
  70. ABR
  71. MAI
  72. JUN
  73. JUL
  74. AGO
  75. SET
  76. OUT
  77. NOV
  78. DEZ
  79. 2008
  80. JAN
  81. FEV
  82. MAR
  83. ABR
  84. MAI
  85. JUN
  86. JUL
  87. AGO
  88. SET
  89. OUT
  90. NOV
  91. DEZ

Creative Commons License CC | 2008-2013 iPhil